Tecnologia

Categorias
  1. Como se tornar um programador de games?

    Como se tornar um programador de games?

    Em primeiro lugar é preciso estudar bastante! Não basta apenas ser um fã de jogos para conseguir trabalhar na área. Saiba que a criação de games é um processo complexo que pede ao profissional uma formação em habilidades diversas, como:

    Design

    O conhecimento em design vai te ajudar muito no momento de programar o jogo e projetar os vetores dos cenários e dos personagens, por exemplo. Além disso, um bom visual contribui para melhorar a jogabilidade e chamar a atenção dos jogadores. Assim, por mais que o desenvolvedor não trabalhe diretamente com a criação de arte, é essencial que ele domine softwares como o CorelDraw e o Photoshop.

    Programação

    A programação diz respeito a toda a estruturação do game: colocando os elementos gráficos e projetando os caminhos que o jogador seguirá. Por isso, você

    Leia mais »
  2. 5 coisas que os profissionais de hardware precisam saber

    5 coisas que os profissionais de hardware precisam saber

    O segredo por trás do hardware do computador é um tema que desperta a curiosidade dos profissionais ligados à informática e daqueles apaixonados por tecnologia. Essa área de estudo aborda, de maneira geral, toda a estrutura física de um computador, e o especialista que atua nesse segmento tem a habilitação necessária para compreender o funcionamento correto dos componentes escondidos no gabinete.

    No entanto, os conhecimentos exigidos para ser um bom profissional de hardware não devem se resumir à mera identificação de cada componente. Sua função é, sobretudo, garantir que o computador possua o desempenho necessário para que o usuário consiga realizar as tarefas por ele desejadas, possibilitando também que o programador prepare a máquina corretamente.

    Mas quais os conhecimentos que diferenciam um bom profissional de hardware? Organizamos uma seleção especial de dicas para melhorar o seu desempenho no mercado de trabalho.

    Conh

    Leia mais »
  3. A evolução dos videogames

    A evolução dos videogames

    Independentemente da sua idade, se você é apaixonado por games, sabe como eles estão cada vez mais tecnológicos, com gráficos sofisticados e histórias mais elaboradas. Mas como os videogames evoluíram tão rápido? Hoje a Microlins vai contar um pouco da história de como os jogos e consoles se transformaram ao longo do tempo. Confira:

    O início

    A primeira teoria conta que, em 1962, Slug Russel, Wayne Witanen e Martin Graetz, estudantes do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, criaram o SpaceWar, um jogo de batalha espacial que rodava apenas nos computadores DEC PDP-1.

    Contudo, outros historiadores dizem que o primeiro registro dos jogos foi quatro anos antes, em 1958, quando o físico Willy Higinbotham criou um joguinho de tênis mostrado em um osciloscópio (um instrumento de medida de sinais elétricos que apresenta gráficos bidimensionais) e processado por um computador analógico.

    1968 - O videogame conectado pela televisão

    Independente do

    Leia mais »
  4. Linha do tempo: a evolução dos celulares

    Linha do tempo: a evolução dos celulares

    Se você não está usando seu celular para ler este post, ele provavelmente está próximo a você, não é mesmo? é inegável a diferença que esses aparelhos fizeram e continuam fazendo na nossa vida. Eles estão presentes no nosso dia e contribuem em diversas tarefas, desde atividades simples como o despertador, até nos conectar com outras partes do mundo em questão de segundos.

    Mas no início, quando ele foi criado, sua única função era realizar ligações. Aos poucos, ele foi ganhando funcionalidades e se modernizando para atender às necessidades da época. No post de hoje, a Microlins traça uma linha do tempo dos maiores marcos da história dos celulares.

    1983 - O primeiro telefone móvel chega ao mercado

    Em 1

    Leia mais »
  5. 5 aplicativos para você montar o seu currículo

    5 aplicativos para você montar o seu currículo

    Mesmo que você tenha a experiência profissional necessária para conquistar uma vaga, a forma como você as organiza no seu currículo faz toda a diferença. O formato, a aparência, a ordem em que as informações são listadas, tudo é importante na hora de chamar atenção do recrutador.

    Para ajudar você a valorizar todas as suas experiências, a Microlins separou 5 aplicativos para você montar o seu currículo e conquistar a vaga dos sonhos. Confira:

    CAREER IGNITER

    O Career Igniter Resume Builder é um aplicativo para Android totalmente gratuito, que permite a criação de currículos de forma simples e intuitiva. Em cada novo documento, é possível preencher os campos de contato, objetivo, educação, certificações, experiência de trabalho, habilidades e ref

    Leia mais »
Página