:) BLOG

FIQUE POR DENTRO DE TUDO O QUE ACONTECE NA MICROLINS E PELO MUNDO

07 de agosto de 2019 • 09h24 • atualizada 07 de agosto de 2019
Quais os medos mais comuns na hora de aprender inglês?

Quais os medos mais comuns na hora de aprender inglês?

Inglês

Quando chega o momento de aprender inglês, alguns medos podem dar um frio na barriga, e bate aquela insegurança, certo? Por causa disso, algumas pessoas deixam de aprimorar seus conhecimentos para se destacar em oportunidades no mercado de trabalho, como em um intercâmbio ou em uma viagem. O processo de aprendizado que outra pessoa viveu pode influenciar no surgimento desses medos em você. 

Algumas pessoas desistem de aprender inglês logo que as primeiras dificuldades aparecem. Por isso, é sempre bom ter incentivo ao redor e se esforçar para ser mais dedicado. Se deparar com obstáculos é comum, ainda mais quando é um novo caminho, mas o importante é saber como driblá-los e não dar mais desculpas. Não sabe como fazer isso? Veja as nossas dicas para os medos mais comuns! 

Dizer que está velho

A idade não é desculpa para não ter novos aprendizados na vida! Até pode ser mais fácil aprender certas coisas quando criança, pois o medo de errar é muito menor, mas muitos adultos pegam o inglês até mais rapidamente, principalmente em assuntos mais voltados para a gramática. 

Culpar a timidez

Ainda é muito comum ter medo de errar, principalmente na frente de outras pessoas. Esse bloqueio faz com que o inglês não seja expressado de forma correta quando necessário, por isso existe a opção de fazer aulas particulares, que podem ser mais confortáveis por serem apenas o aluno e o professor. Lembre-se de que é com os erros que aprendemos! Não fique tímido: se solte, pois as outras pessoas também estão aprendendo e possuem dificuldades. Muito menos tenha vergonha na frente do professor; ele está disposto a ensinar da melhor maneira. 

Fazer comparações com outras pessoas 

É comum fazer comparações com os colegas de sala da aula de inglês ou com pessoas que já estão mais habituadas com a língua. Deixe esse hábito de lado para que você não fique desmotivado e não desista dos seus estudos. Entenda seu ritmo e vá aprendendo no seu tempo; a diferença de velocidade para aprender novos idiomas é normal! 

Achar que não tem tempo

Você não precisa ficar horas e horas estudando inglês ou deixando outras responsabilidades de lado para aprender. Em média, meia hora por dia já é o suficiente! Além disso, está cada vez mais acessível estudar inglês por meio de videoaulas ou podcasts. 

É importante dividir o estudo pelos dias da semana e torná-lo um momento agradável como ouvir músicas, ver filmes com legenda em inglês - ou até mesmo sem legenda - e incluir o novo vocabulário na sua rotina. Dessa forma você vai acostumando o seu cérebro com a nova língua! A organização do tempo e do dinheiro não deve ser um impedimento para você fazer aulas de inglês. Lembre-se de que é um investimento para o seu futuro. 

Como driblar o medo?

Começar criando mapas mentais para facilitar os estudos é umadas alternativas interessantes. Escreva frases que contam sobre você e sua vida e seja criativo para ampliar o uso do vocabulário em inglês. Estude também as peculiaridades do inglês para que a conversa flua; nem sempre é a parte gramatical que assusta os estudantes. Crie experiências de que você gosta e que sejam uma forma divertida de aprender. 

Sempre é bom saber as expressões que vão te inserir em uma conversa e, dessa forma, fica tudo mais confortável! Procure expressões formais e não formais para cumprimentar as pessoas, além do básico que aprendemos sobre saudações e despedidas. Assim você deixa uma primeira impressão de conhecimento da língua e estabelece uma conversa.

Já percebeu que as crianças não têm medo de tentar e errar? Elas são curiosas e arriscam, pois sabem que uma hora vão acertar. Os adultos, por serem mais velhos, possuem mais experiências, e muitas podem ter sido negativas, assim o medo da reprovação e do julgamento na hora de aprender algo novo, como o inglês, aparece, fazendo com que ele acredite que é incapaz de conseguir. 

Adquira o conhecimento pensando na sua evolução pessoal, assim a pressão será menor do que se você focar apenas em falar tudo certo em um intercâmbio ou em uma entrevista de emprego. A cobrança interna é o maior obstáculo que temos e não traz benefícios ao aprendizado. Esforce-se e dedique-se. As oportunidades estão ao seu redor! Que tal começar um curso de inglês na Microlins?

Gostou desse conteúdo? Confira os mitos e verdades sobre aprender inglês aqui no nosso blog!

Capacite-se na Microlins!

Conhecimento transforma o mundo! Os cursos da Microlins ajudam a impulsionar seu futuro de sucesso. Procure a unidade mais próxima e prepare-se para ir além.

COMENTÁRIOS

ESCOLAS

Procure a Escola Microlins mais perto de você!
©Microlins Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP   |   (17) 3214-8699
Move Edu
Move Edu