:) BLOG

FIQUE POR DENTRO DE TUDO O QUE ACONTECE NA MICROLINS E PELO MUNDO

03 de abril de 2019 • 15h43 • atualizada 03 de abril de 2019
Como montar um currículo para vagas de estágio

Como montar um currículo para vagas de estágio

Mercado de Trabalho

A montagem do currículo é um momento delicado para os estudantes e aspirantes a estagiários. A falta de experiência profissional pode provocar uma certa insegurança em relação às informações que devem ou não constar no documento. Para te ajudar a se preparar para os processos seletivos, nós separamos algumas dicas sobre os principais tópicos que precisam ser abordados em currículos para vaga de estágios. Confira!

Dados pessoais

Logo no topo da página, você pode especificar suas informações de contato, como nome, endereço, idade e telefone. Não é necessário colocar foto nem informar números de documentos. Estado civil também é um dado facultativo e pode não ser muito relevante para a vaga em questão.

Redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram são dispensáveis. Já o LinkedIn pode ser útil; cabe a você decidir se quer informá-lo no currículo. É muito importante colocar informações atualizadas, já que é por meio delas delas que o contratante entrará em contato com você.

Veja o exemplo:

Marcelo dos Santos

(19) 92019 - 2019

Rua das Amoreiras, 2 - Campinas/SP

19 anos

Objetivo

No campo “objetivo” você pode escrever poucas palavras direcionadas à vaga a qual está concorrendo. Seja conciso e direto. Veja:

Objetivo: Ingressar na área de Comunicação e Marketing.

Qualificações

Nesse tópico é possível falar um pouco mais sobre você. Em poucas palavras, procure contar sua trajetória profissional e especificar as habilidades que te tornam um candidato importante para o trabalho. Veja:

  • Aluno do terceiro ano do Curso de Publicidade e Propaganda na UniCidade.
  • Habilidade com softwares de edição de imagens, como Photoshop e Corel Draw.
  • Experiência com gestão de páginas de conteúdo em redes sociais.
  • Habilidade para a participação em todas as etapas da criação de campanhas publicitárias.

Formação acadêmica

O estágio geralmente tem a função de oferecer uma formação prática associada aos estudos da graduação ou de cursos técnicos. Portanto, nessa parte o candidato deve informar a instituição de ensino e o curso em que está matriculado. Também é importante colocar a data de conclusão. Veja:

Publicidade e Propaganda - UniCidade

Início: jan/2017 - Conclusão: dez/2020

Experiências profissionais

O preenchimento do campo de “experiências profissionais” gera muitas dúvidas nos candidatos a estágios. Geralmente, o aluno está em busca do primeiro emprego e não possui vivências prévias no mercado de trabalho. Em primeiro lugar, se a empresa estiver de fato buscando um estagiário, ela estará ciente da sua falta de experiência. Portanto, essa questão pode não oferecer tantos problemas durante o processo seletivo.

Para atenuar a falta de bagagem no mercado de trabalho, você pode colocar algumas vivências semelhantes a um emprego formal, como a participação em projetos ou a atuação em empresas juniores da universidade, por exemplo. O ideal é que você coloque apenas experiências relevantes para a vaga em questão. Caso você não possua prática profissional anterior, dê um enfoque maior a outras partes do currículo.

Veja:

Coordenador de Marketing - Signs Empresa Jr UniCidade

ago/2019 - presente.

Principais responsabilidades:

  • Gestão de conteúdos em redes sociais;
  • Negociação com parceiros para apoiar a empresa júnior;
  • Comunicação interna com os alunos.

Idiomas

O mais importante é especificar um nível que realmente condiz com o seu domínio do idioma. Também não é necessário colocar idiomas com o nível “básico”, já que não acrescentará muita coisa ao currículo. Ser fluente no inglês, por exemplo, pode ser decisivo para você se destacar em meio a outros candidatos com experiências profissionais e formações parecidas com a sua.

Veja:

Inglês avançado

Espanhol intermediário

Informática

Como a tecnologia se tornou muito presente na maioria dos empregos, é importante destinar um campo do currículo apenas às qualificações relacionadas ao uso dos computadores. Portanto, para se destacar no mercado de trabalho, é fundamental investir em cursos de programação e no aprendizado dos principais softwares utilizados na sua área de atuação.

Veja:

Pacote Office (MOS em Excel e Word)

Programação em Java

Pacote Adobe

Atividades extra-curriculares

Nesse campo você pode citar algumas experiências que não estão diretamente relacionadas ao mercado de trabalho, mas que contribuíram para a sua formação, como participações em workshops, cursos profissionalizantes ou projetos de iniciação científica na universidade.

Essa parte pode ser muito importante, principalmente para os candidatos que não possuem experiências profissionais prévias. Por isso é fundamental que você esteja sempre participando de palestras, fazendo cursos e desenvolvendo projetos por conta própria.

Veja:

Participação no workshop “Marketing e Redes Sociais”

Certificado de 8 horas

Mar/2018

Curso de Excel Avançado - Microlins

Concluído em jul/2018

Curso de Web Designer - Microlins

Concluído em jan/2019

Projeto de iniciação científica

Tema: “As mídias sociais na formação de opinião”

Em desenvolvimento

Outras dicas

Veja algumas outras dicas importantes que vão te ajudar a montar um bom currículo:

Adapte o currículo à vaga

Não é viável criar apenas um modelo de currículo e distribuí-lo para o processo seletivo de diferentes empresas. Campos como “objetivos” e “qualificações” podem mudar bastante de acordo com a vaga pretendida. Você pode manter um modelo básico, mas é fundamental adaptá-lo para cada nova aplicação.

Layout criativo

O currículo não precisa ser uma folha branca com uma tipografia simples. Você pode pensar em diferentes modelos com o uso de cores e formatos mais criativos, alternativa que pode ser importante para vagas em design, por exemplo. Porém, procure não exagerar e evite criar um documento com um layout confuso e lotado de informações desnecessárias.

Seja direto

É fundamental ser direto e conciso em todos os tópicos do currículo. Escrever linhas e linhas de palavras que não acrescentam nada relevante pode ser até prejudicial a você, já que os recrutadores provavelmente possuem experiência com isso. Portanto, produza um currículo que fale sobre você e que seja agradável para quem está lento, indo logo aos pontos principais.

Experiências relevantes

Algumas experiências, como intercâmbios ou participação em trabalhos voluntários, são relevantes e devem constar no currículo. Já outras vivências, como trabalhos para matérias da faculdade, podem não agregar muito na disputa pela vaga, visto que é algo recorrente em qualquer curso.

Não coloque elogios pessoais

No momento de escrever suas qualificações, tome bastante cuidado para não colocar elogios a si mesmo, como “excelente escrita”, “proatividade” ou “bom para trabalhos em equipe”. Esse tipo de julgamento sobre sua própria personalidade não é bem visto pelos recrutadores. Você precisa ser direto e colocar habilidades impessoais e tangíveis, como “conhecimento em programação” ou “habilidade com o uso de softwares de edição de vídeo”.

Para te ajudar a visualizar um modelo de currículo, nós colocamos os exemplos de cada tópico acima em um único documento. Veja:

Veja mais algumas dicas para montar o seu currículo:

Como fazer um currículo quando não se tem experiência profissional?

Carreira: Saiba o que não colocar em um currículo

Capacite-se na Microlins!

Conhecimento transforma o mundo! Os cursos da Microlins ajudam a impulsionar seu futuro de sucesso. Procure a unidade mais próxima e prepare-se para ir além.

COMENTÁRIOS

ESCOLAS

Procure a Escola Microlins mais perto de você!
©Microlins Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP   |   (17) 3214-8699
Move Edu
Move Edu